Skip links

A importância de reconhecer o trabalho dos seus funcionários

Diante de um cenário que vem se tornando cada vez mais objetificado e material, um problema comumente enfrentado dentro do ambiente corporativo é a falta de reconhecimento. Esse fator que é determinante para o engajamento e a satisfação dos profissionais.

Todos nós temos a aspiração de crescer pessoalmente e profissionalmente. Sob a perspectiva de dentro da empresa, tudo caminha conforme é executada e implantada a cultura da empresa. Afinal, o ambiente de trabalho ajuda ou dificulta que se enxergue os talentos e capacidades de cada um? Este ambiente é um impulsionador ou repressor de qualidades individuais?

Quais os impactos da falta de reconhecimento?

Pode parecer simples, mas a falta de reconhecimento no trabalho gera inúmeras consequências que muitas vezes não enxergamos a curto prazo. Além de prejudicar a execução dos serviços e tarefas, o que prejudica diretamente a empresa, gera desgaste emocional. Este deixa inúmeras marcas que serão levadas para a trajetória profissional inteira do colaborador, até mesmo fora da empresa.

Como reconhecer o trabalho do outro?

Uma excelente alternativa para a diminuição destas atitudes é a proximidade. Conhecer os funcionários individualmente é essencial para que se alcance essa relação verdadeira. Com esta proximidade, será possível enxergar cada um da equipe em suas particularidades. Será ainda mais fácil que se sintam pertencentes a empresa, que fazem parte de um todo e são importantes como indivíduos.

Mas para que este reconhecimento seja eficaz e dê os frutos que se espera, maior interação entre funcionário e empresa e melhores resultados, não basta tecer elogios ao vento. Para isso é preciso que venha acompanhado de sinceridade, que quem está recebendo estes elogios ou até mesmo uma crítica construtiva sinta que o que está sendo falado seja verdadeiro.

Tenha uma comunicação assertiva

A chave para isso será a comunicação assertiva, e sempre personalizada de acordo com a realidade do seu time. Deve-se olhar como um todo para aspectos relevantes que possam auxiliar em uma abordagem cada vez mais humana.

Ser próximo é se mostrar presente, fomentando uma rotina de feedbacks constantes. Além de dar tranquilidade, possibilita que cada um entenda como está a sua caminhada na empresa, saber no que está acertando e no que está errando. Essa postura de proximidade humanizará as relações importantes para a harmonia e o próprio alinhamento cultural.

Com processos transparentes, orientados a princípios atemporais, éticos, de justiça e conformidade. Por exemplo, as chances de se criar um espaço atrativo para o protagonismo humano são muito maiores. E em um efeito dominó, os talentos, profissionais que almejam o destaque e a aplicação de suas qualidades, terão a certeza de que estão em uma empresa capaz de aproveitar e valorizar suas melhores características.

Leave a comment

/* */